• A Morte, Aos que Sofrem

    Separação da alma e do corpo

    O corpo ou a alma sente alguma dor no momento da morte? Como se opera a separação da alma e do corpo? A separação se opera instantaneamente e por uma transição brusca? Há uma linha de demarcação nitidamente traçada entre a vida e a morte? A separação definitiva da alma do corpo pode ocorrer antes da completa cessação da vida orgânica? No momento da morte, a alma tem, às vezes, um desejo ou um êxtase que lhe faz entrever o mundo em que vai entrar?

  • Deus, Fé e Religiosidade

    Nas culminâncias da luta

    Caminhar sem Jesus, nos domínios humanos, é sentir que a água não sedenta, o alimento não sacia, a melodia não eleva, a página não edifica, a flor não perfuma, a luz não aquece… Entretanto, amparados no Cristo, todos somos auto-suficientes, porquanto dispomos de apoio, esclarecimento e fortaleza em qualquer transe aflitivo com que a vida nos surpreenda.

  • Reforma Íntima, Renovando atitudes

    A novidade maior

    O mundo progride, embora com lentidão. Inegavelmente o progresso é a lei. Entretanto, forçoso convir que, com leves modificações, aquilo que vemos agora é o que já vimos. A lua que afagava a cabeça de Sócrates não sofreu diferenças. O mar que Tibério fitava das alturas de Capri oferece atualmente o mesmo espetáculo de imponência e beleza. A maior novidade para nós, então, ainda e sempre é a nossa possibilidade imediata de manejar a própria vontade e melhorar a vida, melhorando a nós mesmos.

Temas das Publicações