Aos que Sofrem, Doenças

Para receber alta

0 53

“A vida não é 100% negócio sério.

A alegria e a brincadeira despreocupada também nos ajudam na cura.

Olhando nossa situação a partir de ângulo diferente, conseguimos dissipar a nuvem de desespero que às vezes paira sobre nossa cabeça. ” Bryan E. Robinson, PhD.

Se você está acamado, pense nisso com atenção:

– a irritação somente agrava a enfermidade;

– o medo aprisiona sua força interna de cura;

– a descrença enfraquece o poder dos remédios;

– o pessimismo cerra as portas para qualquer auxílio espiritual que venham a lhe prestar;

– a revolta afasta a simpatia das pessoas encarregadas de lhe oferecerem amparo;

– o desespero é porta aberta a novas doenças;

– a tristeza faz abater o ânimo de suas células;

Por pior que lhe pareça a situação, aguente firme, saiba que qualquer prognóstico de cura passa necessariamente por uma mudança positiva dos seus humores.

O apóstolo Paulo recomenda que sejamos transformados pela renovação das nossas mentes. A doença quer provocar exatamente isso: uma renovação da sua maneira de entender o mundo. Os dias em um leito podem ser excelentes para esse propósito.

Você não quer sair logo da cama? Então comece mudando um pouquinho o seu humor. Seja mais gentil com as pessoas à sua volta, brinque com os enfermeiros, seja simpático com as visitas, tentd ao menos um sorriso. Cultive a esperança, pois suas células são como soldados que obedecem ao comando da sua mente. Quem abandona a esperança, abandona também a saúde.

Mudemos a percepção da situação, procuremos extrair os aspectos positivos que a enfermidade nos trouxe. Eles existem, sim. Basta ter boa vontade para encontrá-los. Não sejamos tão ranzinzas. A saúde corre dos birrentos.

Não levemos tão sério a doença, não fiquemos tão ligados a bulax, exames e sintomas, tampouco aos prognósticos sombrios dos médicos. Saibamos que Deus tem estradas para você onde os médicos não encontram mais caminhos.

Já está um pouquinho melhor, não é mesmo?

 

Fonte: extraído do livro “O Médico Jesus”, de José Carlos De Lucca. Editora Intelítera.

Compartilhe

About the author / 

Editor

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

× 4 = 36

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba novos conteúdos

Temas das Publicações