• Conselhos do Mestre, Jesus

    Coragem! Sou Eu, não tenham medo.

    O barco da nossa vida não vai virar se tivermos coragem para enfrentar os desafios do caminho. Problemas, desafios, obstáculos sempre surgirão na estrada da nossa vida. Jesus não impediu que a tempestade apanhasse os discípulos em plena travessia do lago da Galileia. Não fez isso, porque queria transmitir aos discípulos a lição da coragem, da autoconfiança e da fé. O Mestre sabia que seus discípulos eram medrosos e inseguros e, por isso, deixou que eles enfrentassem uma situação de perigo para que, através dela, aprendessem a exercitar a coragem.

  • Anjos da Guarda, Doutrina Espírita

    Auxílios do Invisível

    Os homens esperam sempre ansiosamente o auxílio do plano espiritual. Não importa o nome pelo qual se designe esse amparo. Na essência é invariavelmente o mesmo, embora seja conhecido entre os espíritas por “proteção dos guias” e nos círculos protestantes por “manifestações do Espírito Santo”. As denominações apresentam interesse secundário. Essencial é considerarmos que semelhante…

  • Deus, Fé e Religiosidade

    Insinceridade na Fé

    Há quem sustente crer em Deus, mas de forma doentia e recalcada. Por isso, equivocadamente, julga-se ou justifica-se obsessivo, mártir, apóstolo, missionário, obstinado, esconso. Puro equívoco! Fé não significa obsessão. O bem e o mal não convivem no mesmo plano de incidência; um exclui o outro. Não se pode falar em fé e, ao mesmo…

  • Deus, Fé e Religiosidade

    Como Pedes?

    Estará suplicando em nome do Cristo ou das vaidades do mundo? Reclamar, em virtude dos caprichos que obscurecem os caminhos do coração, é atirar ao Divino Sol a poeira das inquietações terrenas; mas pedir, em nome de Jesus, é aceitar-lhe a vontade sábia e amorosa, é entregar-se lhe de coração para que nos seja concedido o necessário.

  • Aos que Sofrem, Dificuldades na vida

    Com a pedra você constrói o edifício

    Não se detenham, meus filhos, ante as pedras das dificuldades que surgem inevitavelmente no caminho de todos nós. São elas que nos mantém na estrada do crescimento espiritual, porque a presença delas nos obriga a pensar em Jesus, a orar com Jesus e a agir como Jesus nos pede. Sem as pedras da vida, o homem fatalmente se perderia na estrada livre de dificuldades. Contornemos as pedras do caminho, com oração e trabalho, e sigamos na direção que Jesus nos aponta rumo à vitória que nos aguarda mais adiante. (Bezerra de Menezes)

RECEBA NOVOS TEXTOS POR E-MAIL

Quinzenalmente, enviamos um e-mail com os novos textos do site. Participe!

Temas das Publicações