• Prática do Bem, Reforma Íntima

    A oportunidade dos homens é permanente para a colaboração no Evangelho

    O bom trabalhado compreende, antes de tudo, o sentido profundo da oportunidade que recebeu. Valoriza todos os elementos colocados em seus caminhos, como respeita as possibilidades alheias. Não depende das estações. Planta com o mesmo entusiasmo as frutas do frio e do calor. É amigo da Natureza, aproveita-lhe as lições, tem bom ânimo, encontra na aspereza da semeadura e no júbilo da colheita igual contentamento.

  • Prática do Bem, Reforma Íntima

    Só o bem repara o mal

    Para nós que abraçamos a causa espírita, nossa única qualidade é a de almas que nos arrependemos do mal e desejamos ardentemente o bem. O arrependimento é nossa maior conquista, porque através dele já estamos procurando a reparação pelo labor no bem e pela reeducação dos costumes. Somente dessa forma somos capazes de vencer um dia após o outro, independente das tormentas interiores provocadas pelo bisturi das “dores emocionais” que venhamos a experimentar. Só o bem nos dará energias essenciais para continuar.

  • Prática do Bem, Reforma Íntima

    O dever é a lei da vida

    O dever é o resumo prático de todas as especulações morais. É a obrigação, primeiro para consigo mesmo, e depois para com os outros. Uma intrepidez da alma, que enfrenta as angústias da luta. Na ordem dos sentimentos, o dever é muito difícil de ser cumprido, porque se encontra em antagonismo com as seduções do interesse e do coração. O dever íntimo do homem está entregue ao seu livre-arbítrio, mas ele se mostra frequentemente impotente diante dos sofismas da paixão. Onde nosso dever começa? Onde acaba?

  • Prática do Bem, Reforma Íntima

    Prática do bem

    Uma contenda pode perdurar por muitos anos, com graves desastres para as forças em litígio; todavia, basta uma expressão de renúncia para que a concórdia se estabeleça num dia. No serviço divino, é aconselhável não disputar, a não ser quando o esclarecimento e a energia traduzam caridade. Nesse caminho, a prática do bem é a bússola do ensino.

  • Prática do Bem, Reforma Íntima

    Ser bom

    A criatura bondosa domina a arte da sinceridade, pois, acima de tudo, é fiel consigo mesmo. Por ter desenvolvido uma natureza benevolente, tem aspecto jovial e sociável, demonstra carinho pelas crianças, aprecia a fauna e a flora, enfim gosta das coisas da Natureza. Em sua relação com os outros, é uma boa ouvinte, sempre disposta quando pode ser útil, solidária e cordial. Ser bom, em sua exata definição, é fazer escolhas ou tomar atitudes com compaixão, lançando mão da própria dignidade e, ao mesmo tempo, promovendo a dignidade alheia.

  • Prática do Bem, Reforma Íntima

    Plácido Domingo e José Carreras – para ser bom cristão, é preciso ter ao menos um inimigo

    Todos se recordam do alcance mundial das temporadas em que trechos de óperas e clássicos do canto lírico reuniam três das melhores vozes do mundo: os tenores Luciano Pavarotti, da Itália, e os espanhóis Plácido Domingo e José Carreras. De repente, o trio se calou. E isso aconteceu muito antes de Pavarotti decidir se aposentar. O que teria ocorrido?

  • Prática do Bem, Reforma Íntima

    Comecemos de nós mesmos

    Educaremos, educando-nos. Não faremos a renovação da paisagem de nossa vida, sem renovar-nos. Somos arquitetos de nossa própria estrada e seremos conhecidos pela influência que projetamos naqueles que nos cercam. Que o Espírito de Cristo nos infunda a decisão de realizar o auto-aprimoramento, para que nos façamos intérpretes do Espírito do Cristo. A caridade que salvará o mundo há de regenerar-nos primeiramente.

RECEBA NOVOS TEXTOS POR E-MAIL

Quinzenalmente, enviamos um e-mail com os novos textos do site. Participe!

Ajude a divulgar Um Caminho

Temas das Publicações