Aos que Sofrem, Provas e expiações

Todo sofrimento é o resultado de erros cometidos em vidas passadas

0 144

Queixumes

Minha vida é amarga!

Como tenho sofrido!

A ninguém desejo minha má sorte, nem ao meu maior inimigo!

Viver assim, não é vida!

Tantas outras frases amargas são frequentemente proferidas por aqueles que, jamais, pousaram os olhos no sofrimento do próximo.

Sim, meus amigos!

Por mais incrível que pareça ao lamurioso, existem milhares ou milhões de criaturas sofrendo mais do que ele; criaturas resignadas atentas que são aos ensinamentos do Mestre.

Existem criaturas cegas, paralíticas ou aleijadas que são exemplos magníficos de fé, trabalhando em benefício dos que se encontram em piores condições.

Quem se lastima ao menor embate da vida deveria envergonhar-se face a essas pessoas maravilhosas que esquecem seus padecimentos para servir e ajudar.

Quem se lastima ao menor sofrimento, deveria envergonhar-se do papel que representa ante os dramas que se passam nos hospitais e nos manicômios.

Quem se lastima a menor dor de cabeça, deveria envergonhar-se frente a mãe aflita que vê seus filhos morrerem à mingua.

Todo sofrimento é o resultado de erros cometidos em vidas passadas. Ninguém carrega cruz demasiadamente pesada, senão aquela moldada exatamente para o caso de cada um.

A revolta gera sofrimento maior, enquanto a resignação favorece o carma, beneficiando o espírito.

Lembremo-nos, em nossas aflições, da grande máxima oriental: Eu que me queixava de não ter sapatos, encontrei um homem que não tinha pés.

Fonte: extraído do livro “Coletânea de Mensagens de José”, recebidas por Helcio Eugenio de Lima e Silva. Folha Carioca Editora Ltda.

About the author / 

Editor

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

× 3 = 12

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Temas das Publicações

O que é o Espiritismo e a Doutrina Espírita?
Vida com Abundância