Perdão, Reforma Íntima

Todas as doenças têm origem em um estado de não-perdão

0 198

Perdoe aos seus pais

Se você chegar a um ponto em que possa amar a si mesmo, em que fique realmente extasiado por existir, em que sua gratidão não conheça limite, subitamente sentirá um grande amor surgindo para como seus pais.

Eles foram as portas para você entrar na existência. Sem eles, esse êxtase não teria sido possível – eles o tornaram possível.

Osho

Sob o prisma espiritual, todas as doenças têm origem em um estado de não-perdão. Quando se fecha a porta do coração, somente o perdão é capaz de abri-la. Quando a enfermidade se manifesta, precisamos olhar à nossa volta e perguntar a quem estamos precisando perdoar.

É provável que, dentre as pessoas mais próximas, seus pais sejam as pessoas as quais você mais esteja necessitando perdoar. Todos nós sofremos algum tipo de violência na infância. Em algum nível, recebemos maus-tratos, sejam eles físicos ou emocionais. Nossos pais também eram aves feridas por falta de respeito daqueles que os educaram. Ninguém no planeta Terra, à exceção de Jesus, conseguiu viver o amor ao próximo em sua total plenitude, por isso frequentemente ferimos e somos feridos, magoamos e somos magoados, acusamos e somos acusados. O perdão dissolve essa cadeia de ressentimentos recíprocos e propicia o surgimento do amor em nossas vidas.

Porque não perdoamos é que promovemos tantas guerras. Porque não perdoamos é que vivemos tão doentes. Porque não perdoamos nossos pais é que projetamos esses conflitos em nossos relacionamentos de agora. Abençoe seus pais, veja-os como pessoas iguais a você, e assim poderá compreendê-los em todos os seus feitos, em todos os seus enganos.

Nossos pais são as raízes da árvore da nossa vida. Se nossos galhos hoje estão secos e doentes, precisamos refletir se o problema não está na raiz. Se as pragas do ódio e do ressentimento estão afetando as raízes, a árvore não crescerá saudável e nem dará bons frutos. Não apenas as doenças, mas até mesmo a falta de prosperidade pode estar associada aos problemas de relacionamento com os genitores.

Se procuramos Jesus para que Ele nos cure as enfermidades, aceitemos logo o remédio que Ele prescreveu de perdoar setenta vezes sete. Comece agora mesmo com seus pais. Mas, não vire essa página ou feche este livro sem ao menos transmitir a eles um pensamento de compaixão. É assim que o amor começará a cobrir você de todos os seus enganos.

Fonte: extraído do livro “O Médico Jesus”, de José Carlos De Lucca. Editora InteLítera.

About the author / 

Editor

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

− 5 = 2

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Temas das Publicações

O que é o Espiritismo e a Doutrina Espírita?
Vida com Abundância